Muay Thai


kombat2
Nessa segunda-feira eu experimentei a minha primeira aula de Muay Thai. Confesso que me interessei porque vi muitas meninas dizendo o quanto era bom etc. Eu nem tinha parado para procurar (shame on me), mas recebi um informativo da academia me informando que esta seria a nova modalidade. Não pensei duas vezes: estava precisando de um up na malhação (fiquei quase um mês sem ir pra academia…shame on me again) e resolvei tentar.

A aula por lá tem duração de 1 hora. Logo após montar o tatâmi  o professor já começa com o aquecimento. Corrida! Ok…até aqui tranquilo. Mas depois vieram saltos, polichinelos e mais pulos e….ai…achei que ia morrer de falta de ar! Sério. Tava quase pedindo arrego. Só não fiquei morta de vergonha porque quase todo mundo ali também teve dificuldades.

Eu nunca lutei, nada…nem cheguei perto. Mas graças à dança do ventre e ao pilates eu posso dizer que tenho um pouco de coordenação motora e consciência corporal. Foi isso que me ajudou a entender os socos e chutes e como projetar o quadril, braços e travar o abdômen.

muay thaiFoi uma sensação libertadora chutar aquele saco. Sério hahaha…depois que descobri o movimento certo, eu fui perdendo medo e colocando força no chute. Fiquei cansadona, mas feliz demais. Tive medo na hora das duplas, quando tive que usar a almofada lá pra “aparar” o chute….jesus…dói hahahaha mas faz parte..é luta…vai chegar o momento que vou apanhar mesmo (ai! rs)

Quando eu percebi, a aula acabou. Eu tava mortinha….bochechas vermelhas, mega cansada. Foi chegar em casa, tomar banho e puft na cama! No dia seguinte, doeu onde eu imaginava: flancos (yeah, eu quero me livrar deles), abdômen, bumbum e coxas. Obviamente que a academia ficou um pouco de lado hoje. Vou procurar manter a luta duas vezes na semana e quem sabe, muito em breve, me aventurar pelo boxe.

Agora quero só ver quem mexe comigo hahahahaha

 

 

 

8ª semana


Opa!!! Iniciando a 8ª semana no próprio domingo com uma corridinha delícia antes do almoço. Resolvi fazer o que costumo aos sábados: ver quão longe eu vou em 30 minutos. E para a minha felicidade, corri 4,4km! E fiquei de boa! Aeeee….sinto o meu objetivo cada vez mais perto (correr 5k em 30 minutos). Só que de noite, senti muito as minhas coxas gritando que resolvi dar a segunda-feira de folga para as minhas pernocas.

Fui correr novamente na terça-feira e ta dam! 5 k em 34’25”. Aeeeeeeeeeeeeee! Que lindo! Foi assim:
500 m 6km/h
1 k – 8 km/h
1 k – 9 km/h
500 m – 6,6 km/h
1 k – 8 km/h
500 m – 9 km/h
300 m – 10 km/h
200 m – 11 km/h

E depois andei 600 metros até voltar ao batimento cardíaco normal rs!!! Na quarta eu encontrei uma endocrinologista próxima ao trabalho. Na minha balança de casa estava apontando 65kg e na dela 66, 5kg. Não foi fácil ouvir o que eu já sabia: estou no sobrepeso. Ela jé me pediu diversos exames e já solicitou que eu fosse ao nutricionista. Ainda bem que o convênio tá cobrindo…segunda já tenho consulta por lá.

Na quinta eu não corri. Fui fazer o exame de sangue e o ultrassom lá. Mas na sexta-feira, enfrentei o tempo seco e fui pra esteira. Fiz meus 5k em exatos 35 minutos.
500 m – 6 km/h
1 k – 8 km/h/
1k – 9 km/h
500 m – 6,6 km/h
1 k – 8 km/h
500 m – 9 km/h
400 m – 10 km/h
100 m – 8 km/h

No sábado não pude correr porque domingão tem a Corrida contra o Câncer de Mama. Fui para o pilates. Na alimentação eu me sabotei um pouco essa semana ainda mais porque sei que segunda tem nutricionista….besta, né? Quis comer as coisas que sei que serei proibida.  Tenso, pensamento de gordinha….sai de mim!!! Bora para a 9ª semana com dieta nova!

2ª semana!


Olá! E passei pela primeira semana! Com a corrida em si até que foi “tranquilo”. Não quis puxar muito porque tenho medo de me machucar. Quanto à alimentação, foi meio jaca ainda. Preciso melhorar. Mas o pique continua e eu entrei na segunda semana!

Segunda-feira
Feriado em SP, eu podia ir trabalhar mais tarde. Aproveitei para dormir um pouco mais e fui correr umas 10h assistindo “Vamos correr!” da ESPN Brasil (bem interessante, viu!!!).  Fiz meus 5k em 39’36”. Um bom resultado!
500 m – 6 km/h
1 k – 7,4km/h
500 m – 6,6 km/h
1 k – 7,6 km/j
500 m – 6,8 km/h
1k – 7,8 km/h
500 m – 6,0 km/h

Meu café da manhã pré-treino foi o tradicional: duas fatias de pão 7 grãos com geleia de amora diet da Quennsberry + 400 ml de NRG com Thermojects (Herbalife). Depois do treino, bati o meu shake de baunilha com leite desnatado + 200 ml de thermojects. O almoço foi uma gracinha: bife grelhado com uma colhar de arroz integral + salada. Ounn!!! De lanche à tarde fui ao Spremuto (como eu adoro esse lugar) e comi um wrap de peru mineiro que tem apenas 290 kcal, mas é extremamente saboroso e enche, viu!!! De janta, como estava sem fome, repeti o café da manhã pré-treino.

Terça-feira
De volta à rotina, acordei cedão! E fui correr! A alimentação matinal se repetiu e os meus 5k foram percorridos em 39’10”. O treino foi quase igual, mas os 500 metros finais eu dei um mega gás e corri esbaforida. Saí extremamente cansada. Não foi fácil não! Acabei levando marmita para o trabalho e me comportei bem. De lanchinho tive club social e janta: shake!

Quarta-feira
Meu Deus…como eu estava cansada! E o cansaço apareceu no treino sim. Fiz os 5k em 39’40”. alguns segundos a mais de segunda-feira e de ontem. Sei que pode parecer besteira, mas se eu ganhar 1 segundo por dia, já fico feliz. A diferença é que tentei correr mais rápido, mas a minha recuperação acabou sendo muito lenta. Até tentei ver o que seria correr a 10km/h, mas só aguentei 200 metros…sim..tenho que ter calma!!! O café da manhã pré e pós-treino foram os mesmos de todos os dias. De almoço, yakissoba da mamis mais morangos de sobremesa. Jantar: shake!

Quinta-feira
Foi ainda mais difícil acordar porque os palmeirenses resolveram fazer mais barulho que os corinthianos. Acordei até assustada e demorou um pouco para a barulheira acalmar e conseguir dormir. Quase nem fui malhar, mas tirei força de vontade só de pensar nos resultados que terei em breve. Fiz meus 5k em 39’15”. Fiz assim:

500 m – 6 km/h
1 k – 7,2 km/h
400 m – 6,4km/h
1 k  – 7,4 km/h
300 m – 6,6 km/h
1 k – 7,6 km/h
300 m – 8,6km/h
500 m – 7,0 km/h

Depois caminhei mais 500 metros para desaquecer. Logo depois da corrida fui ao dentista retirar uma cárie. Fiquei com o rosto adormecido ainda na hora do almoço e não consegui comer quase nada porque doía muito abrir a boca rs…

Sexta-feira
Ainda estava sentindo dores na boca e acabei me dando um descanso, mas cuidei da alimentação!

Sábado
Bati um recorde: consegui correr 4 km em 30 mim! yeah! A minha meta é correr 5k em 30. Depois fui para o pilates. O almoço até que foi saudável, mas depois teve festa da empresa e acabei abusando um pouco….

Praticamente metade do mês já foi!! Vamos que vamos!
A novidade é que comecei a ler o livro que o Pensando Magro se inspirou. É bem interessante!

2ª semana de malhação!


Eliminando as gorduras e melhorando a saúde

Olha..ter que vir aqui e me justificar (pra mim mesma) é uma forma de não fugir da academia, sabia? rs

O problema é que a segunda semana de academia não começou com força total. Na segunda de manhã eu tive que ir ao médico e nada de ir pra academia. Estava disposta a ir depois do trabalho, mas a dor que eu estava sentindo nas costas por ter jogado wii (é, o videogame) no domingo não me deixou. Achei melhor repousar.
Mas daí na terça, peguei pesado. Corri duas séries de 10 minutos a 7km/h na esteira e caminhei 15 minutos. Depois, aula forte de spinning. Digamos que minhas bochechas ficaram vermelhas das 8h15 às 10h00!! Transpirei muito!!! O banco do spinning já não incomoda tanto então deu para dar aquele super gás sem medo. E para finalizar a malhação do dia: alongamento! Estica daqui e estica de lá…dói…muito, mas é aquela dor que passa e te faz sentir mais esticado.

Na quarta eu repeti o combo jump + pilates. Consegui pular mais, mas me exaustei rs. No fim da aula, mal levantava o joelho hahahah. Foi divertido. No pilates, senti pegar muito o abdômen, mas fiquei feliz de ver o alongamento cada vez mais bonito.

Na quinta eu estava cansada demais e pulei a corrida. É, pulei. Fui direto para o spinning. Mas não peguei leve não. Pedalei com tudo, cansei muito, confesso, mas foi bom. A endorfina é incrível, né? Depois dessa aula tive alongamento que quase chorei de dor!! Na hora, né? Porque depois que passou, ficou tudo lindo!!!

Na sexta-feira consegui correr 3km! Yei! Tá certo que corri 1,5 km, andei por 500 metros e corri mais 1,5km! Deu duas séries de 11 minutos! Meus 5km foram percorridos em 40 minutos! A meta é aumentar para 2 km com intervalo e aumentando aos poucos até correr os 5km sem parar! Será que até o dia 12 de fevereiro eu consigo? Só treinando para saber. Depois dessa correria, veio a aula de dança do ventre. Só treino de movimentos. Foi difícil. Estava toda travada, mas foi muito legal. Tenho que treinar muito ainda, mas vamos que vamos.

O problema é que nessa semana eu desandei com a alimentação. Não quero usar a TPM como desculpa, mas me sabotei. Comi pão 3 vezes na semana (um recheado com coisas gordas, outro só de queijo e um com peito de peru). E ainda teve aniversário da chefe e acabei comendo bolo, um pedaço pequeno, mas comi. Me sinto culpada. Ainda mais por causa do exame de sangue. Mas espero que não dê alteração por causa dessa semana. Tenho que controlar isso melhor!!!! Até comi abacaxi para desintoxicar!!!

Fiquei tão encanada que resolvi ir correr hoje (sábado) também. Sei que a minha endocrinologista havia me pedido que fizesse exercício 5 vezes na semana e vou tentar manter o pedido dela. Então, no sábado corri 3km de novo! 1,5km a 7km/h, 500 metros a 6km/h, 500 metros a 7km/h, 500 a 8km/h e mais 500 metros a 7km/h. O kilômetro final para chegar a 5 k eu fui caminhando de 6 km/h até a 2km/h quando terminei o meu exercício. Em suma, meus 5 k foram percorridos em 45 min. Estou diminuindo o tempo, mas continuo esbaforida!! Falta menos de um mês para a corrida de rua e espero ainda correr os 5k sem parar!!

Hoje eu também fui fazer o exame de sangue. Agora me resta esperar o resultado. Faltam poucos dias para a avaliação física. Confesso que estou com medinho!! Juro que depois que emagrecer em peso, eu vou mudar a minha régua de peso para porcentagem de gordura, ok? Porque acompanhando o Pensando Magro vejo que de peso ela não está perdendo tanto, mas sim em gordura..então..acredito que isso pode acontecer comigo também.

 

De volta à malhação!


Iniciei 2012 empolgada para malhar. Ok, quase todo mundo que tem como resolução do ano emagrecer, começa a primeira semana com tudo!! hahaha A ideia é manter isso pelo ano inteiro.

O primeiro exercício do ano foi a minha não mais odiada corrida. É, vou explicar. Como eu não tinha fôlego algum, eu dizia odiar correr porque quase desmaiava toda vez que subia na esteira. Não que hoje eu seja uma maratonista, mas pelo menos já consigo trotar por um tempinho…Claro que estou intercalando com caminhada, mas o sonho é conseguir correr muito! A primeira meta é correr 5 km direto, sem parar. O máximo que consegui foi 1,5km! Tem muito chão ainda, mas sei que a prática vai me ajudar e muito.

Na terça-feira voltei a pedalar. Jesus do céu! Tinha esquecido que ficar muito tempo sem fazer spinning doeria a bunda! A falta de fôlego não era nada comparada à dor daquele banquinho. E olha que eu coloco aqueles bancos em gel para aliviar. A aula foi endurance, pedalar muito com variação de carga e ainda sentada. Foi legal. Cansa, mas a endorfina compensa. Com certeza. Depois disso, aquele alongamento para não sentir dor é fundamental.

Na quarta voltei ao Jump! Já tinha ouvido falar que podemos perder muitas calorias durante o exercício, mas quis ver isso na balança. Na academia, tem uma diferença de quase 2kg da balança de casa (não sei porque…mas acho que devo seguir a da academia por causa da avaliação física). Lá, antes da aula acusou 66,8kg. Pulei os 45 min com esforço, mas sem levantar muito os joelhos porque ainda não tenho tanta força. Transpirei demais. Depois da aula, me pesei e deu 66,4kg! Quase 0,5kg de água! Nossa…bem que poderia ser de gordura, né? Seria bem mais fácil emagrecer.

Depois veio o Pilates. Haja força no abdômen! Nossa senhora! Tudo você tem que usar a pança…sinto minha barriga mais dura (já faz uns 4 meses que faço), mesmo que tenha bastante gordura para queimar. Fora que a melhora no alongamento é sensacional. A primeira coisa que percebemos é isso…hoje eu já encosto nos pés. Há um ano, minhas mãos nem chegavam na canela. A meta é bater a cabeça no joelho!! hehe e vamos que vamos.

Na quinta de manhã resolvi correr de novo. Bem pouco, é claro. Corri apenas 5 minutos, mas 8,5 km/h…pra mim essa velocidade é um desafio ainda. Mas consegui mandar o ritmo. Depois dessa corrida leve, fui para o spinning novamente. A bunda ainda doía muito, mas consegui pedalar melhor. Foi aula que teve montanha, daí não judiou tanto de ficar sentada. Foi demais! E depois, o alongamento, claro!

Na sexta (hoje) fui correr de novo. E um novo recorde para a Livia: corri duas séries de 10 minutos a 7km/h sem parar! Nossa…que delícia. Em breve devo aumentar a velocidade ou o tempo e quem sabe correr em uma corrida de rua de 5 km!

Tenho cuidado da alimentação. Shake de manhã e a noite. Almoço e lanches leves e muita, mas muita água. Quero dar uma ênfase na parte aeróbica antes para depois entrar com a musculação de novo.

É isso aí. Tem uma semana para o exame de sangue! Espero ter bons resultados. Avaliação física, só no fim de janeiro.

Bom 2012 para todos com muito mais saúde! Gordinha nunca mais!